Cabelo 16/03/2019

Como saber o tom ideal de cabelo para mim? 4 dicas importantes!

Ruivo, rosa, platinado, azul ou roxo? Com todas as possibilidades de cores existentes no mercado para pintar o cabelo, ficamos até em dúvida sobre qual escolher ou qual pode ser o tom ideal para nós.

Queremos ficar mais bonitas, mas sem deixar os fios ressecados. Também desejamos manter nossa personalidade, mas sem permitir que a cor errada deixe nossa aparência estranha. As dúvidas são cruéis, principalmente quando não sabemos nem por onde começar.

Quer segredinhos que vão ajudar nessa indecisão? Então, acompanhe!

1. Considere a sua cor de pele e olhos

Nossa pele sempre tem um tom de fundo, que pode puxar o amarelado ou o rosado. Caso você não esteja conseguindo saber qual o seu, olhe as cores das suas veias. Se forem esverdeadas, significa que você uma tonalidade que lembra o amarelo e, dessa forma, sua pele é quente. Se forem azuladas, significa que você tem uma tonalidade que lembra a cor rosa e, por isso, sua pele é fria.

Seguindo essa lógica, peles com cores quentes combinam mais com as cores que têm a mesma sensação, como vermelho e laranja. Caso queira um tom de loiro, vá mais para o dourado. Já pessoas com peles frias ficam bem com azul, roxo fechado ou um loiro acinzentado.

Você pode, ainda, seguir a cor dos seus olhos. Olhos azuis combinam com cores frias. Os verdes e castanho-claros, com cores quentes. Castanho-escuros com qualquer tom.

2. Faça uma pesquisa de tonalidades

Hoje, a internet nos ajuda a encontrar qualquer coisa que queremos. Aproveite essa facilidade e busque inspiração no Google, no Instagram ou no Pinterest. Essa última rede social é, inclusive, a mais apropriada para fazer coleções de fotos.

Na sua pesquisa para encontrar o tom ideal, tente comparar as nuances das modelos com as suas. Encontre referências que pareçam com você.

Outra possibilidade é descobrir o que estão usando no momento, para ficar na moda. Geralmente, influencers com um estilo mais despojado, como a MariMoon, estão por dentro disso.

3. Evite mudanças radicais

Ainda que você esteja com aquela sensação de “quero mudar completamente”, evite fazer isso sem pensar em todas as consequências. Primeiro, avalie se o produto que você usará é realmente confiável para ser usado nos seus fios. Também é muito importante fazer um teste de mecha. Isso porque se der errado, pelo menos não chegou a destruir todos os fios.

Pessoas com cabelo escuro que queiram um estilo candy color precisarão, antes, descolorir bem o cabelo, para depois passar a tinta ou tonalizante. Mudanças assim devem ser feitas com responsabilidade e gradualmente, para manter a boa saúde das madeixas.

4. Leve em conta seu gosto pessoal

Por fim, e mais importante de tudo: avalie o que você realmente gosta. Opiniões das amigas podem ser válidas. Dicas por aí podem ajudar a pensar melhor. Mas a decisão final cabe apenas a você, que vai conviver com o novo cabelo e se olhar todos os dias no espelho. O que vale é você se sentir bonita e gostar do resultado final.

Depois de achar seu tom ideal, não se esqueça de usar um bom tira-manchas, pois ele ajuda a limpar toda aquela sujeira difícil de sair da pele. Para manter a cor dos fios, tenha, também, produtos específicos, como um matizador. Ele fará com que a tonalidade dure mais tempo, deixando você mais bonita.

Que tal ter cabelos macios e saudáveis sempre? Entre em contato conosco e conheça os melhores produtos para você!