sac@softhair.com.br
Tel: +55 (31) 2105-7700 / international@softhair.com.br
Tel: +55 (31) 2105-7700

Nutrição capilar: o que eu preciso saber?

nutricao-capilar-o-que-eu-preciso-saber.jpeg

Por:Soft Hair
Cabelo

21

set. 2017

Quem não gosta de estar com os cabelos bem-cuidados, não é? A grande maioria se preocupa em hidratá-los para que, assim, conquistem fios macios, saudáveis e com brilho. No entanto, o que muitos desconhecem é a necessidade de se preocupar não somente com a hidratação, mas também com a reconstrução e com a nutrição capilar.

Por meio da nutrição, conseguimos dar ao cabelo os nutrientes que ele precisa, repondo os lipídeos e recuperando o brilho, a maciez e a saúde dos fios. Quer saber mais sobre o assunto? Então, continue a leitura e confira o que preparamos.

Afinal, o que é nutrição capilar?

Esse tratamento é essencial a fim de mantermos nossos fios bonitos e saudáveis, pois, por meio dele, repomos a necessidade de lipídeos, cuja função é de grande importância para as madeixas, impedindo a perda de água e reparando os danos superficiais.

A nutrição está entre a hidratação e a reconstrução, sendo mais intensa que a primeira e menos que a segunda. É indicada para todos os tipos de cabelo, mas principalmente para os crespos, cacheados e tratados quimicamente.

Essa reposição lipídica é feita por meio de elementos como manteigas e óleos vegetais, e deve ser realizada, em média, uma vez por semana ou conforme a necessidade dos fios em cada momento, que podem estar mais ou menos danificados.

Quais são os benefícios desse tratamento?

Conforme vimos, esse é um procedimento que recupera os nutrientes dos fios e, por isso, traz diversas vantagens, tais como:

  • proteção dos fios;
  • maciez;
  • brilho;
  • diminuição do frizz;
  • sedosidade;
  • facilidade ao desembaraçar;
  • controle do volume;
  • hidratação duradoura;
  • fortalecimento capilar;
  • redução das pontas duplas.

Como fazer uma nutrição de forma correta?

A nutrição pode ser feita de várias maneiras, veja algumas dicas de como fazer.

Óleos vegetais

Essa aplicação pode ser realizada em qualquer tipo de cabelo — lisos, cacheados, crespos, quimicamente tratados —, sendo indicado usar óleos naturais, como óleo de coco, de abacate, de oliva, de rícino, entre outros.

Basta passar o produto nos cabelos secos e sujos, da raiz às pontas e deixar agir por, pelo menos, 30 minutos, em seguida lavar muito bem com shampoo e finalizar com condicionador.

Óleo vegetal e máscara

Já para os cabelos mais ressecados, é interessante intensificar o tratamento, por isso, unir o óleo com uma máscara pode ser uma boa alternativa. Hoje em dia encontramos muitas máscaras que nutrem de forma eficaz os fios, deixando-os bem mais saudáveis.

Sendo assim, lave os cabelos com shampoo e aplique uma mistura de duas colheres de máscara e uma colher de óleo, deixe agir entre 20 e 30 minutos, enxágue e finalize com condicionador.

Manteiga vegetal

Essa é uma forma de tratamento também indicada para todos os tipos de cabelo, nutrindo-os de forma natural e trazendo os vários benefícios da nutrição.

Basta escolher a manteiga vegetal de sua preferência, aplicar o tratamento mecha por mecha, da raiz às pontas e deixar agir por, pelo menos, uma hora. Em seguida é só lavar com shampoo e finalizar com condicionador.

Gostou das dicas sobre nutrição capilar? Quer ficar por dentro de mais conteúdos interessantes? Assine a nossa newsletter!

Compartilhe: