Cabelo 31/10/2017

Conheça os produtos da Soft Hair liberados para No Poo

Ao lavar os cabelos, se há espuma é porque a limpeza está sendo feita, correto? Não necessariamente! Nesse fato está o principal conceito da técnica no poo (sem shampoo), criada pela cabeleireira inglesa Lorraine Massey. No entanto, poucas pessoas entendem como fazê-la. Por isso, mostraremos neste post como produtos Soft Hair para no poo agilizarão esse tratamento.

Essa estratégia, que ganha adeptos a cada dia que passa, leva em conta que algumas substâncias presentes na maioria dos shampoos são responsáveis por causar o ressecamento dos cabelos, pois elas retiram a oleosidade natural do fio. Quem mais sente esse impacto são as pessoas de cabelo crespo e cacheado, pois é um cabelo naturalmente mais ressecado.

Vamos direto ao ponto! A seguir, saiba quais são os benefícios desse procedimento e a lista dos produtos Soft Hair para No Poo.

Os benefícios de aderir ao no poo

Muitas pessoas que começam a adotar o no poo na sua rotina de cuidados capilares faz isso com a intenção de se livrar do ressecamento — principalmente se estão passando pela transição capilar ou os cabelos passaram por algum procedimento químico. Acompanhe abaixo mais benefícios!

Diminuição da oleosidade e caspa

À primeira vista, pode parecer contraditório utilizar condicionador ou higienizadores condicionantes, já que isso poderia deixar o cabelo muito gorduroso. Entretanto, o que ocorre é a diminuição da oleosidade. O cabelo lavado com um shampoo tradicional tem os óleos naturais do couro cabeludo reduzidos devido aos fortes detergentes que ele contém, como o lauril sulfato de sódio. Para o corpo reparar essa perda, ele passa a produzir mais gordura — o que causa o efeito rebote.

Como o no poo não remove a camada lipídica natural, ela permanece normalmente equilibrada. Com isso, a limpeza efetuada nos fios duram mais, a frequência de lavagens é reduzida e a probabilidade de desenvolver caspa é bem menor.

Aspecto de cabelo mais natural

Por não conter substâncias que agridem a fibra capilar em sua composição, os produtos liberados para a técnica proporcionam brilho, resistência, maciez e leveza, aspectos típicos de um cabelo saudável. É comum que ao ler a respeito do método, seja encontrado informações sobre o cronograma capilar e a sugestão de associá-lo ao no poo. Unir os dois recursos é potencializar os benefícios e aumentar os resultados mais rapidamente.

Economia de produtos utilizados no cabelo

O fato de não precisar passar shampoo para higienizar os fios já é uma grande vantagem econômica para o bolso e para o meio ambiente. Além disso, você também poupará produtos, pois um condicionante liberado para co-wash (limpeza com condicionador) tem dupla função na lavagem; e lavará os fios em menos tempo. É fundamental ler o rótulo dos cosméticos porque alguns não são produzidos comercialmente com essa proposta, mas contém em sua fórmula ingredientes permitidos para essa prática.

Produtos Soft Hair liberados para No Poo

Com o no poo, o co-wash é a alternativa para manter os fios limpos e hidratados. Contudo, ele não é capaz de remover os silicones insolúveis. Por isso, quem quer seguir essa estratégia não pode usar produtos com esses tipos de silicone. Já os solúveis são aprovados, pois eles saem na água durante a lavagem.

Não é uma tarefa simples identificar nas embalagens se o produto tem ou não as substâncias proibidas para no poo, porque é preciso memorizar uma lista de componentes ou estar com ela sempre em mãos. O ideal é escolher os que já vem com essa informação.

Um produto Soft Hair para No Poo pode ser identificado ao ler as indicações no rótulo, os ingredientes (se você souber quais são os permitidos) ou a bula dos produtos que está na maioria dos nossos produtos aqui no site. Para facilitar a sua busca, confira abaixo todos os nossos produtos condizentes com a técnica:

Linha Manteiga

Essa linha da Soft Hair é completa para no poo, oferece tratamento capilar com hidratação, nutrição e reconstrução (todas as etapas do cronograma capilar) e ainda conta com produtos veganos. São 7 manteigas liberadas para a t’ecnica de no poo:

  • Coco e Pracaxi;
  • Murumuru e D-Pantenol;
  • Vegana Abacate e Aveia;
  • Coco e Açaí;
  • Argan e Arginina;
  • Babosa e Oliva;
  • Banana e Mel.

Linha Bomba! Explosão de Crescimento

Um kit repleto de vitaminas e proteínas que auxiliam o crescimento dos fios e tem alta concentração de hidratantes. São 7 produtos:

  • shampoo;
  • condicionador;
  • máscara;
  • tônico;
  • defrizante;
  • finalizador;
  • pré-shampoo.

Linha Bomba! Antiqueda

Composta por biomoléculas ativas que reduzem e evitam a queda dos fios, melhora a textura dos fios e fortifica-os:

  • shampoo;
  • condicionador;
  • tônico.

Linha Cachos

Essa uma é linha direcionada para os diferentes tipos de cachos (que vão do número 2 ao 4). Veja quais itens são liberados:

  • gelatina misturinha 2/3/4;
  • máscara misturinha 2/3/4;
  • óleo de coco cachos;
  • óleo de rícino;
  • day after estimulante de cachos;
  • Linha cuidados diários tipo 4.

Linha Soft

Outros produtos Soft Hair para No Poo estão em alguns itens da linha Soft. Eles possuem uma gama de ativos de última geração, essências inovadoras e eficiência garantida, com resultados conquistados logo após o uso. Confira:

  • condicionador Soft Pós-Química;
  • condicionador Soft Blond;
  • condicionador Soft Carvão Ativado;
  • condicionador Soft D-Pantenol;
  • condicionador Soft Máxima Reparação.

Extratos naturais

A única no mercado com os extratos naturais prontos para você utlizar, a Soft Hair conta com o sumo natural de babosa e a baba de quiabo, todas liberadas para no poo e perfeitas para você potencializar a sua misturinhas de hidratação.

Adquirir produtos soft hair para No Poo é a maneira mais prática de começar a aplicar esse método na sua rotina de cuidados com o cabelo. Não precisa jogar fora os que você já tem, pois isso seria ecologicamente incorreto e dinheiro desperdiçado. Se for possível esperar a finalização deles, faça isso; doe para outras pessoas; e verifique os que podem ser aproveitados.

Gostou deste artigo? Então, compartilhe nas suas redes sociais para mais pessoas desfrutem dessa informação!