BioSoft 24/07/2019

3 dicas para acertar na escolha do creme de massagem

Seja para fazer um spa day em casa, seja para algum tratamento estético, o creme de massagem é peça fundamental. Afinal, não basta somente cuidar dos cabelos, pois a sua pele também precisa de esfoliação e hidratação. No entanto, com as inúmeras opções disponíveis no mercado, muitas dúvidas podem surgir no momento da compra do melhor produto.

Ler os rótulos e entender as necessidades do seu tipo de pele são aspectos fundamentais, pois os resultados e maneiras de utilização variam conforme o princípio ativo. Sem falar da importância de considerar o custo-benefício do seu creme.

Para ajudar na sua escolha, veja, a seguir, o que você não pode deixar de avaliar antes de adquirir o seu creme de massagem. Entenda!

1. Escolha o tipo de creme de massagem

Antes de qualquer coisa, é preciso que você tenha em mente o que pretende e quais resultados espera do seu creme de massagem. Então, uma das perguntas que deve responder é: você precisa esfoliar ou hidratar a sua pele? Dito isso, a nossa primeira dica é conhecer e buscar pelo tipo certo do seu creme de massagem.

Os produtos esfoliantes, por exemplo, são de grande importância para a renovação da sua pele e remoção das células mortas. Para isso, esse tipo de creme é composto por pequenas partículas que se assemelham a grãos de areia. Podem ser utilizados nas pernas, nos cotovelos, joelhos, costas, entre outros.

Já se a sua pele está muito seca, prefira os cremes de massagem que hidratam o seu corpo, como aqueles que contém óleos em sua composição. Existem ainda produtos indicados para tratamento anticelulite, redutores de medidas e clareadores de manchas.

2. Atente-se aos componentes

Escolhido o tipo de creme de massagem, o próximo passo é ficar de olho na fórmula do seu produto, pois, como dito, o resultado será influenciado pela composição. Produtos que contém argila, por exemplo, são ótimos para peles secas, já que melhoram a elasticidade da pele. Outros componentes que vale procurar são:

3. Avalie o custo-benefício

Para não correr o risco de gastar rios de dinheiro sem necessidade, é importante que você avalie o custo-benefício do seu creme de massagem. Afinal, nem sempre o produto mais caro é o melhor, como nem sempre o mais em conta é pior.

Os cremes de massagem da Soft Hair, por exemplo, são destaque quando o assunto é rendimento e deslizamento. Você perceberá que com poucas quantidades de produto consegue massagear grandes áreas do seu corpo, fazendo com que o produto dure mais tempo, não deixe a sua pele oleosa e ainda faça o seu dinheiro valer a pena.

Para escolher o creme de massagem ideal é preciso que conheça o seu tipo de pele e saiba quais as suas necessidades do momento, pois mesmo as oleosas precisam de hidratação, como as ressecadas necessitam de esfoliação. Então, procure por boas e reconhecidas marcas, para que evite perder dinheiro e não corra o risco de ter reações alérgicas.

Que tal uma ajudinha na escolha do seu creme de massagem? Conheça os nossos produtos para cuidados corporais e tenha uma pele maravilhosa com preços acessíveis!