Cabelo 22/01/2018

Você sabe qual a função da queratina no cabelo? Entenda mais!

Você pode até não saber muito bem qual é a função da queratina no cabelo, mas já deve ter ouvido falar de seus feitos milagrosos. Parece mito de salão, mas a queratina pode mesmo recuperar até os fios mais danificados.

Essa proteína é a principal responsável por formar a estrutura interna do cabelo. Sendo assim, também é capaz de reconstruir os fios. O melhor é que você pode usá-la de diversas formas. Quer saber como? Confira no post a seguir. Aproveite também para conhecer os tipos de queratina e como usá-la. Boa leitura!

Afinal, o que é a queratina?

A queratina é uma proteína que o próprio corpo humano produz. Além dos cabelos, ela é encontrada também na pele e nas unhas. Sendo responsável por 90% da composição dos fios, é ela que dá força, resistência e elasticidade à fibra capilar. Além disso, a queratina impermeabiliza e protege os fios quando nosso cabelo sofre danos externos, como a ação da água quente, do mar, do cloro e da exposição ao sol e ao vento.

Outros fatores que podem alterá-la e fazer com que percamos essa proteína com o tempo são os alisamentos, a coloração e as ferramentas de calor, como secadores e chapinhas. É aí que entra a ação da queratina como produto, vendida em diversas texturas.

Os tipos de queratina

Entenda em quais formatos é possível encontrar esse elemento e saiba de que forma cada um é usado. Confira!

Líquida

A forma mais comum de ser encontrada, a queratina líquida é concentrada e também aparece na composição de shampoos, condicionadores e outros produtos. Nessa forma, você pode misturá-la com alguma máscara ou usar sozinha. Nesse último caso, ela será aplicada mecha a mecha e finalizada com secador e chapinha.

Hidrolisada

A queratina hidrolisada é altamente concentrada, o que permite uma maior absorção pelos fios e uma recuperação eficiente. Ela aparece em gel ou líquida e pode ser facilmente diluída em água. Por isso, não faz o cabelo ficar pesado. Esse tipo de queratina é ideal para cabelos bem danificados e elásticos, mas é preciso cuidado para não errar na quantidade.

Hidrogenada

Encontrada também em cosméticos, a forma hidrogenada é boa para manutenções e tratamentos de cabelos não muito danificados. Sendo mais leve, ela pode não reparar danos tão profundos. Por isso, é melhor evitá-la se seu cabelo está muito prejudicado. Além disso, não é porque ela é mais leve que você pode usá-la sempre. O ideal da queratina é usá-la a cada 15 dias.

Outra forma de utilizar a queratina no cabelo é no creme de tratamento, que pode ser facilmente aplicado depois do shampoo. Já combinada em um defrizante, ela age na flexibilidade dos fios, fortalecendo-os. Como ampola, é uma opção fácil para viagens ou para levar na bolsa, pois pode ser usada no dia a dia com os cabelos limpos e potencializada com secador. Por fim, o booster age em combinação com a máscara ou sozinho. Você pode aplicá-lo durante a lavagem, depois do shampoo e antes do condicionador.

Por que a queratina no cabelo é importante?

A queratina é uma proteína que forma os fios do cabelo e é a maior responsável pela estrutura deles, por isso é tão importante. Em fios danificados, ela pode reconstruir a estrutura, criando a “massa” interna e preenchendo-os para que fiquem saudáveis e resistentes.

Devido a essa função protetora, é indicado usar a queratina no cabelo não só para reparação depois dos procedimentos químicos, mas para preparar os fios e evitar grandes danos. Além disso, por construir a estrutura, a queratina no cabelo também dá forma e vida aos fios.

Como saber se é preciso repor a queratina?

Cabelos que sofreram qualquer tipo de processo químico são bem propensos a precisar de, pelo menos, uma aplicação de queratina por mês. Alisamento, coloração e escovas progressivas são alguns deles. Contudo, basicamente, qualquer processo que envolva abrir e fechar a cutícula do cabelo causa perda da proteína. Para se ter uma ideia, até mesmo pentear os fios causa danos, ainda que mínimos — especialmente em fios finos.

Para saber com mais precisão se é necessário repor queratina no cabelo, você pode fazer um teste bem simples. Basta passar o indicador e o polegar por toda a extensão do fio, começando na raiz e descendo até a ponta. Observe a textura, se o cabelo está quebradiço ou com muito frizz, é sinal de que a cutícula — a camada externa do fio — está danificada.

Como aplicar a queratina no cabelo?

Agora que você sabe qual é a função da queratina no cabelo, pode se perguntar como ela é aplicada. Isso varia de caso a caso. Portanto, separamos os principais deles para explicar o passo a passo.

Cabelos com química

Se o seu cabelo passou por algum processo químico, é recomendável aplicar queratina uma vez por mês para fazer uma boa manutenção.

  • se for muito concentrada, dilua a queratina líquida em água;
  • borrife o produto por todo o cabelo;
  • deixe agir por cerca de 15 minutos;
  • se o cabelo perdeu maleabilidade, passe uma máscara de hidratação ou condicionador e deixe agir por mais 5 minutos;
  • enxágue o cabelo.

Cabelos danificados

Além da química, seu cabelo está elástico ou emborrachado? Então, o mais indicado é investir em uma cauterização a cada 15 dias. Depois de quatro tratamentos, faça o teste novamente para checar se ele melhorou. Se sim, a partir daí, é feita a manutenção básica do cabelo com química.

Para cauterizar os fios, você deve seguir certas etapas e usar uma técnica de enluvamento. Ela consiste em usar o produto da raiz às pontas, mecha a mecha, massageando-as bem antes de partir para a outra.

  • para começar a cauterização, lave os cabelos com um shampoo de reconstrução capilar;
  • use a técnica de enluvamento para aplicar a queratina líquida por todo o cabelo, homogeneamente;
  • penteie os fios até desembaraçarem, faça uma escova e a chapinha.

Para potencializar os resultados, não lave o cabelo nas próximas 48 horas. Além disso, fazer o procedimento em salão também apresentará melhores resultados, uma vez que o cabeleireiro terá mais prática e produtos de uso profissional.

Cabelos que precisam de reconstrução

A queratina pode ainda ser utilizada para dar um boost em máscaras de reconstrução. Para isso, basta seguir as etapas:

  • dilua 10ml de queratina na máscara;
  • aplique em toda a extensão do cabelo;
  • deixe agir por 20 minutos;
  • enxágue.

A queratina no cabelo não é só natural, como composição do fio, mas também pode ser usada na hora de reconstruí-lo. Para isso, é só você saber quão danificado seu cabelo está. Isso determinará o tipo de queratina a ser utilizada e a concentração para um melhor resultado. Depois, é só fazer a manutenção para ter sempre um cabelo capa de revista.

Gostou do post e quer mais novidades sobre como cuidar bem do seu cabelo? Curta nossa página no Facebook e confira todos os conteúdos!