Cabelo 16/10/2018

Quais são os cuidados mais importantes pós-química nos cabelos?

Manter os cabelos bonitos e saudáveis é o desejo de muitas mulheres. Entretanto, o excesso de químicas, tais como descoloração, relaxamento, alisamento, dentre outros, podem danificar os fios, deixando-os porosos e sem vida. Então, quais são os cuidados pós-químicas nos cabelos que se deve ter para manter os fios mais sedosos e hidratados?

Para responder essa pergunta e ajudar você a repor os nutrientes que o cabelo perde durante todos esses processos, preparamos um miniguia com dicas simples e eficientes que prometem devolver a vitalidade das madeixas em um curto espaço de tempo. Continue a leitura e saiba mais!

Evite o uso de aparelhos elétricos

Muitas vezes o uso do secador, da chapinha ou do babyliss torna-se indispensável para modelar os fios. Contudo, devido ao calor intenso desses aparelhos, os fios perdem a umidade natural e ficam quebradiços. Por isso, evite utilizá-los frequentemente e, quando aplicá-los, não se esqueça de usar produtos com termoproteção, como defrizantes, que além de proteger os fios do calor, também podem ajudar a tratar os cabelos. Também não demore muito tempo em cada mecha, pois temperaturas muito altas queimam o cabelo. Aproveite que usar os cabelos de forma natural está em alta e alterne o uso das finalizações e penteados.

 

Utilize produtos específicos para o pós-química

Utilizar shampoos e condicionadores específicos para cabelos quimicamente tratados é outra dica valiosa para recuperar os fios que estão comprometidos. Eles contêm ingredientes, como vitaminas, aminoácidos e queratina, que auxiliam na reconstrução capilar.

Além disso, opte pelas máscaras de tratamento e cremes para pentear que contenham os mesmos princípios ativos. Ao usar uma linha de produtos específicos, você potencializa os efeitos desejados e recupera logo os danos causados pelo uso de químicas.

Hidrate o cabelo semanalmente

Como os fios costumam perder água e nutrientes nos processos químicos aos quais eles são submetidos, é muito importante não descuidar da hidratação semanal do cabelo. Procure por máscaras de tratamento que contenham abacate, mel ou manteiga de karité em suas composições.

Não esqueça de cumprir um cronograma capilar próprio para o seu tipo de cabelo. Ao seguir fielmente as etapas desse processo (hidratação, nutrição e reconstrução), você terá resultados positivos em poucas semanas.

Não deixe de usar os finalizadores

O shampoo tem a finalidade de limpar os fios, enquanto o condicionador serve como um emoliente de ação rápida e selante das cutículas capilares. No entanto, para que o cabelo permaneça saudável e esteja sempre sedoso, é necessário usar os finalizadores após a secagem.

O finalizador vai permanecer no cabelo até a próxima lavagem, mantendo-o protegido e alinhado durante esse período. Opte por produtos que trazem ingredientes que criam uma película protetora ao redor dos fios, tais como:

  • óleo de argan;
  • óleo de oliva;
  • óleo de amêndoas;
  • óleo de jojoba.

Use produtos low poo ou no poo

Pelo menos nos primeiros meses, é interessante agregar aos cuidados pós-químicas dos cabelos o uso de produtos que contenham ingredientes liberados para as técnicas low poo ou no poo. Caso você não encontre a indicação na embalagem, é fácil identificar quais são permitidos para as técnicas:

  • no low poo evita-se shampoos com sulfatos e prioriza-se os higienizadores condicionantes, seguidos dos condicionadores, máscaras e finalizadores sem derivados de petróleo;
  • já o no poo não utiliza shampoos, mas sim condicionadores com propriedades limpantes e há a restrição dos petrolatos nos demais produtos.

Priorize produtos destinados ao cronograma capilar

Aplicar produtos de manutenção adequados para o tipo e necessidade do cabelo garantem a duração esperada de um procedimento químico. Quando se trata de cuidados pós-químicas nos cabelos, essa prioridade aumenta. Portanto, inclua na sua rotina o cronograma capilar.

Essa agenda de tratamento envolve a hidratação (reposição de água), nutrição (reposição de óleos) e reconstrução (reposição de proteína) semanal dos fios, mantendo e recompondo a saúde total dos cabelos. Se quiser praticidade, o uso de produtos multifuncionais que combinam a mistura de outros ativos da linha, como a nossa máscara HNR e os seus 3 boosters, é a melhor aposta para isso.

Use queratina frequentemente, mas com moderação

Cabelo sensibilizado por química pede mais reposição de massa capilar que um que não passa por esse processo. O jeito mais eficaz de fazer isso é utilizando a queratina pura, após a lavagem com shampoo, ou incorporada em máscaras, condicionadores e finalizadores.

Independentemente da sua escolha, use-a em pouca quantidade, pois o excesso dela enrijece os fios, deixa eles porosos e propensos à quebra. O ideal é utilizar quinzenalmente e nos dias de reconstrução sinalizados em um cronograma capilar.

Escolha produtos com ativos de proteção solar

Principalmente se você passa muito tempo debaixo do sol ou se vai à praia com frequência, saiba que escolher finalizadores com proteção solar é imprescindível para evitar o envelhecimento, ressecamento e queima dos fios. Mesmo em dias nublados, os raios solares estão presentes, por isso, é importante adicionar esse item à sua lista de produtos necessários para prolongação dos efeitos positivos da química adotada.

Em spray, líquidos ou cremes, o importante é que entre os seus componentes estejam presentes substâncias nutritivas que aderem aos fios, formando uma capa protetora que impede os danos do calor e dos raios solares.

Evite outras químicas até seu cabelo se recuperar

Infelizmente os benefícios obtidos com o processo químico tem data para acabar, mas não tem como se prever esse dia. Por ser vagarosa, é comum que muitas pessoas percebam que os efeitos saem em partes e quantidades diferentes da cabeça — seja na raiz que começa a crescer novos fios, seja no comprimento que começam a ondular ou perder a maleabilidade.

Impacientes com texturas diferentes e o desejo de mantê-los alinhados, muitas aplicam a mesma química ou outros tipos com a intenção de turbinar os benefícios, porém, se deparam com o famoso corte químico. O couro cabeludo e os fios estão “debilitados” pelo primeiro processo e precisam de um descanso de um a três meses para poder receber outros produtos tão fortes quanto esse. Aproveite esse intervalo para observar como o seu cabelo reagirá antes de fazer quaisquer novos tratamentos.

Para que essas dicas promovam o efeito prometido, é recomendado que os cuidados pós-químicas nos cabelos sejam aplicados constantemente. Então, não descuide dos fios e reserve algum tempo para hidratar, nutrir e restaurá-los sempre que for necessário. Também, não se esqueça de pedir orientações para o seu cabeleireiro e utilizar os produtos certos, a fim de ter as madeixas bonitas e bem tratadas novamente.

Aplicar essas dicas deixará você pronta para arrasar. Então, compartilhe este post nas suas redes sociais para que outras pessoas se beneficiem delas também!